Carqueja

Bacharis trimera

 

Família: Arasteraceae

Nomenclatura popular: carqueja, amargosa, vassoura, bacanta, carque

Parte utilizada/órgão vegetal: hastes floridas

Indicações terapêuticas: dispepsia inespecífica (intolerância a gordura, digestão lenta, azia), síndrome pós-hepatite, litíase, hepatite (protetor), constipação intestinal, obesidade, diabetes: inibidor da absorção de glicose.

Contraindicações: diarreia crônica: a inibição da absorção da glicose aumenta sua presença no trato intestinal onde são metabolizados por bactérias que geram compostos que agravam a diarreia

Precauções de uso: deve ser usada com critério a pacientes com insulinoma ou episódios de hipoglicemia

Efeitos adversos: não há relatos

Interações medicamentosas: por interferir na absorção da glicose, aumentando o transito intestinal, pode reduzir a absorção de outros medicamentos

Formas farmacêuticas: tintura, erva seca

Vias de administração e posologia (dose e intervalo):

Adultos: 10 a 20 ml de tintura divididos em 2 a 3 doses diárias diluídos em água; 2 g de erva seca para cada xícara de água em infuso até 3 vezes ao dia.

Tempo de utilização:

Superdosagem: não há relatos de intoxicação por superdosagem. Caso ocorra deverá ser feito o esvaziamento gástrico por lavagem  com soro fisiológico. Uso de sonda gástrica em sifonagem. Recomenda-se hidratação endovenosa para promover diurese abundante.

Principais classes químicas: flavonoides, lactonas diterpenicas, saponinas, fitosterois, polifenois, taninos, óleos essenciais

Informações sobre segurança e eficácia: não apresenta toxicidade nas doses recomendadas

Anúncios